Um mercado entre a emoção e a acumulação

01

Na segunda quinzena do mês de julho aconteceu na cidade de São Francisco, na Califórnia, o evento Dell Women’s Entrepreneur Network (Dwen), que essencialmente, se tratava de um encontro de mulheres empreendedoras de todo o mundo para a troca de experiências e informações.

Entre as diversas palestrantes que apresentaram suas ideias e histórias de vida para a plateia, uma das que mais chamaram a atenção foi a escritora cubana Nely Galan. Eu seu discurso, Galan contou um pouco de sua trajetória bem sucedida nos Estados Unidos e destacou a importância das mulheres assumirem de forma cada vez mais concreta o seu papel de protagonismo na sociedade.

Um dos lemas da escritora, de certa forma, está diretamente relacionado ao segmento de luxo e diz diretamente “não compre sapatos, compre apartamentos”. A ideia expressada por Nely Galan recomenda ao público feminino tomar as decisões, de consumo ou de qualquer outro aspecto da vida, baseadas no critério da segurança e não apenas no impulso de consumo.

Longe de ser uma crítica propriamente direcionada ao universo da moda ou seus similares, o conceito amplia e potencializa o poder feminino na sociedade, ressaltando que se os tempos mudaram, é preciso evoluir com eles.

O pensamento da empresária cubana tem ramificações diretas no mercado de alto padrão da atualidade, que valoriza muito mais a emoção, ou seja, a experiência dos produtos e serviços, em detrimento da acumulação. Em linhas gerais, é fundamental perceber que o problema não é a compra de um sapato ou de um bem de luxo de qualquer natureza, e sim o que ele representa e de que forma ele pode impactar positivamente a vida de alguém.

O universo do luxo é extremamente amplo e muitas são as experiências possíveis: do café da manhã à compra de um apartamento, todas as ações podem ser agregadoras e contarem com uma boa dose de luxo, desde que ele contribua de forma engrandecedora em busca da realização e da felicidade.

Crédito da imagem: Reprodução.

Leave a Reply

Your email address will not be published.