Trancoso como uma janela para o mundo na Pop-up Namix

Com inspiração em Mikonos, Grécia, unindo o que é natural no Brasil e o lifestyle que se pode ter em uma temporada em Trancoso, conheça a pop-up Curitibana que tem atraído clientes famosos e internacionais em 60 dias de presença na quadrado baiano.

A proprietária da Pop UP Namix, Michelle Jamur, em Trancoso, Bahia

Unindo as festas de fim de ano, a energia única e o quadrado, que junto com as belezas naturais trazem a fama de Trancoso, na Bahia, a empresária Curitibana Michelle Jamur, há dois anos faz presença na cidade por 60 dias com sua pop-up, especialmente pensada para a região e para as pessoas especiais que passam por lá, brasileiras e internacionais.

De onde vem sua história com uma pop up em Trancoso e a quanto tempo?

Eu frequento Trancoso a 15 anos, e amo esse lugar, essa energia renovadora. Trancoso, na Bahia, é comprovado cientificamente um portal de energia, é necessário saber canalizar essa energia. É uma relação de muito amor, sempre venho no ano novo e há poucos anos eu vim fora dessa época, cheguei aqui no final de Janeiro e coincidentemente estava acontecendo a festa de São Sebastião, que é o padroeiro da cidade, onde conheci as pessoas nativas, que tem casas e imóveis aqui. Foi o que me encantou. Este é o segundo ano da Namix em Trancoso, o ano passado estávamos na casa colada na Pousada El Gordo, foi muito legal, era mais no final do quadrado, perto da Igreja, e este ano nós estamos perto da Pousada Casa da Glória, um dos melhores pontos comerciais e logo no início do quadrado, com um fluxo super bacana, sem contar com toda uma clientela gringa.

Qual o tema deste ano e por que?

É todo baseado no lifestyle de Trancoso, o luxo aqui é a simplicidade, a história da natureza, a energia desse lugar, que é simplesmente sensacional. Eu procuro fazer uma curadoria de peças, que respeitem esse lifestyle. Em 2017 fui para Mikonos, Grécia, buscando inspiração, e trouxe o macramê, que é uma arte grega de tecelagem manual, semelhante a um crochê de ponto grosso de algodão. Nós temos também dois ombrelones na frente da loja e quatro abajures incríveis, há detalhes de Macramê dentro da loja também, estamos tendo uma ótima aceitação, até mesmo proposta para abrir a loja em São Paulo, super positiva a repercussão. Nós temos também esse ano uma parceira com a Breton, no mobiliário, com um lounge na frente da loja, onde há um bar de Gim, um drink no estilo take away, feito em uma embalagem linda, um saquinho onde coloca o canudo, com uma mixologia incrível! Trouxemos um bartender de Curitiba e uma bartender de Trancoso.

Fachada 2018 PopUP Namix

Quem assinou o projeto este ano?

Esse ano o projeto arquitetônico e o merchandising tem a assinatura de Paulo Peruzzo, que é um super arquiteto de Curitiba. Viemos para Trancoso em setembro para o Paulo conhecer e definirmos alguns pontos, ele saiu daqui apaixonado, encantado, houve uma conexão muito forte com o lugar, uma parceria de corpo e de alma.

Quais as novidades da moda este ano que estão com você? Ano que vem tem mais?

A pop-up é uma loja temporária, esse ano nossa temporada é de 25/12 a 07/02. Sim, continuaremos nos outros anos, sempre nesse período de tempo, 60 dias.Esse ano vim com a novidade da Wollner, que é uma marca carioca masculina incrível, que teve uma ótima aceitação, a Vanda Jacintho e a Betina de Luca fizeram coleções exclusivas pra cá, elas são super estilistas, uma de São Paulo e uma do Rio. Procurei fazer uma curadoria super especial que tem agradado todo mundo, tanto os brasileiros quanto os clientes internacionais.

Lounge em parceria com a Breton

As peças vendidas em Trancoso somente estão à venda por lá?

As coleções são exclusivas para Trancoso, faço um preview em Curitiba em Novembro, onde levo essas marcas e peças do verão daqui com exclusividade para as clientes, e com antecedência. E este ano temos um marca própria, desenvolvemos t-shirts, vestidos longos de malha, com temas de Trancoso, desenvolvi algumas peças também de crochê com Macramê , com corda, as clientes estão gostando bastante e vamos continuar seguindo nesse sentido, buscando sempre atender a necessidade do público, sendo uma loja democrática, onde as pessoas possam comprar desde um souvenir ou peças super especiais.

Conte-nos curiosidades nestes anos de projeto.

Algumas curiosidades nesse projeto são positivas e outras negativas, quase trágicas.  No ano anterior cheguei em Trancoso e o frete não tinha chego ainda, fiquei monitorando 100% do tempo, tomando todos os cuidados e consegui o telefone do caminhoneiro, ele ia me entregar uma semana depois só o frete, mas acabou que deu tudo certo, e assim como essa, exitem muitas fortes emoções em abrir um negócio na Bahia. As curiosidades positivas são que o ano passado, quando eu abri as portas, ao lado da El Gordo, o fotógrafo Mário Testino, que estava almoçando na El Gordo, foi a primeira pessoa a entrar na loja, isso só acontece em Trancoso. Sou super fã da Bianca e da Georgina Brandolini, a Bianca é uma jetsetter internacional, um it girl, meio brasileira e meio italiana, e elas frequentam a minha loja e são minhas clientes, Elba Ramalho que sempre está aqui também, Vanessa da Mata, Fernanda Tavares, são todas clientes. Para finalizar, a Namix é uma empresa que tem um objetivo em Trancoso, 1% do faturamento bruto é destinado para causas sociais. Este ano temos o drink de gim, e a cada embalagem vendida, é doado R$ 1,00 para uma outra instituição de duas freiras, que fazem um trabalho com crianças no bairro de Maria Viúva aqui em Trancoso, um bairro super carente. Temos um projeto de vida aqui em Trancoso, é realmente um caso de amor, porque não estamos aqui no verão pra tirar proveito do que Trancoso pode oferecer. Estamos aqui o ano inteiro, nos preocupando com o que acontece, participando das discussões da comunidade. Esse ano o foguetório não ia acontecer aqui no quadrado, pois a prefeitura estava sem verba, mas nós nos reunimos pra fazer essa queima acontecer, o investimento foi de R$15000,00, unimos forças e fizemos, é uma relação muito maior que temos com Trancoso. Ter um comércio aqui abre possibilidades de se conectar com o muitas pessoas, essa troca, as famílias que a gente conhece, as pessoas que voltam na loja todos os dias, as clientes que compram roupa e no outro dia vem vestidas, os maridos, as crianças, é uma conexão muito forte entre pessoas aqui. Então isso também é super especial, essa experiência é única, Trancoso é uma janela para o mundo.

Como fazemos para acompanhar?

Conheça mais sobre a loja em Curitiba e Trancoso no seu site próprio www.namix.com.br, além das redes sociais, super atualizadas www.instagram.com/namixloja.

Confira, abaixo, uma galeria exclusivas de fotos de quem já passou por lá.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.