Top 5: as estreias imperdíveis da semana

O maestro João Carlos Martins é uma das personalidades mais carismáticas, queridas e competentes do universo artístico brasileiro. Seu talento ao piano é indiscutível, assim como sua capacidade de superar as dificuldades em seu caminho. A história do maestro é uma das principais estreias desta semana nos cinemas brasileiros. Confira, abaixo, outras produções que devem agradar aos amantes da sétima arte.

LADY MACBETH

Macbeth-1

A jovem Katherine vive um casamento no qual a aparência é mais importante do que o amor. Tendo como marido Boris Macbeth, a moça passa a viver em um mundo diferente do que ele sempre sonhou. Entretanto, um amor fora do casamento lhe trará a felicidade, mas as consequências podem ser desastrosas. A produção fez parte da seleção oficial de importantes festivais de cinema como Toronto, Sundance e San Sebastian.

AFTERIMAGE

afterimage

A arte não respeita fronteiras, principalmente aquelas ligadas ao campo físico. É o que comprova a vida de Wladyslaw Strzeminski, um artista polonês que apesar de uma gravíssima limitação física (não possuía uma perna e um braço) fez muito sucesso em sua terra natal. Além de superar as dificuldades impostas por seu corpo, o artista ainda enfrentou as autoridades polonesas para que sua arte fosse verdadeiramente reconhecida.

JOÃO, O MAESTRO

joão

A vida do maestro João Carlos Martins daria um filme. O sucesso como pianista e a capacidade de superar as dificuldades que a vida lhe impôs são um verdadeiro exemplo de superação. Essa trajetória única de vida chega agora aos cinemas com o ator Alexandre Nero interpretando o maestro. Mais do que focar nas dificuldades do músico, o filme aponta que problemas podem ser o primeiro passo para a grandiosidade.

ANNABELLE 2 – A CRIAÇÃO DO MAL

annabelle

A boneca Annabelle parece um brinquedo inocente, mas na realidade ela esconde um grande mal. É isso que as freiras e as crianças de um orfanato vão perceber ao ter que lidar com a boneca amaldiçoada. O filme é uma continua do sucesso lançado em 2014, mas, desta vez, a história contada se passa antes dos eventos da primeira produção, ou seja, conta a história de como a boneca foi criada.

O HOMEM QUE MATOU JOHN WAYNE

o homem

O astro dos filmes de faroeste John Wayne é um ídolo do cinema, mas, também representa a forma imperialista com que os Estados Unidos agem em todo o mundo. Pelo menos esta é a opinião do cineasta Ruy Guerra. Através de depoimentos que misturam história e imaginação, a produção conta a trajetória do renomado cineasta através de entrevistas com personalidades como o compositor Chico Buarque e escritor Gabriel García Marquez.

Leave a Reply

Your email address will not be published.