O luxo além das experiências

01

No segundo semestre de 2012, durante sua passagem pelo Brasil, o filósofo Gilles Lipovetsky afirmou em uma entrevista que não havia “mais regras para o consumo do luxo, já que ele se traduz como uma expressão do individualismo. Cada um tem a sua ideia do que seja luxo. E é aí que entram as expressões culturais e as experiências singulares”.

Com essa ideia, muito mais do que destacar uma espécie de vale-tudo quando o assunto é o universo do alto padrão, o autor francês refletia que a personalização e a customização dos produtos e das experiências se firmariam como o grande diferencial do luxo moderno e apostar nessas experiências seria a forma das marcas e empresas de dialogar e conquistar seus clientes.

Desde então, as experiências confirmaram seu valor dentro do novo conceito de luxo e não seria exagero afirmar que em 2017 elas literalmente se elevaram de nível. No final do ano passado, como foi amplamente divulgado na imprensa, o cantor Pharrel Williams em parceria com a multinacional de conhaques Louis XIII gravou uma canção que será lançada somente daqui a um século. Com o apropriado título de 100 years, a música faz parte de uma campanha que tem por objetivo alertar a população mundial sobre os efeitos da destruição do meio ambiente. Como o próprio cantor afirmou “a música só será lançada se cuidarmos do planeta”.

Assim como é importante ressaltar o aspecto sustentável da campanha, cujo objetivo é debater o futuro do planeta, é inegável o potencial da iniciativa enquanto ação de marketing, uma vez que o assunto foi tema de reportagens e publicações em todo mundo.

Entretanto, muito além desses dois aspectos centrais, a parceria de Pharrel Williams com a marca Louis XIII consolida definitivamente a ideia da experiência como elemento fundamental dos bens de luxo. Unindo a modernidade de um ídolo pop, com uma bebida clássica e tendo como pano de fundo o futuro do planeta, a ação elevou a novos níveis a ideia de proporcionar aos clientes não apenas um produto de qualidade e sim uma vivência única e valorosa.

Leave a Reply

Your email address will not be published.


Luxury beyond experience

01

In the second half of 2012, during his visit to Brazil, the philosopher Gilles Lipovetsky said in an interview that there were “no more rules for luxury consumption, since it translates as an expression of individualism. Everyone has their idea of ​​what luxury is. And that is where cultural expressions and unique experiences come in. “

With this idea, much more than highlighting a kind of voucher when it comes to the world of high standards, the French author reflected that customization and customization of products and experiences would stand as the great differential of modern luxury and betting on these experiences would be the way for brands and companies to dialogue and win their customers.

Since then, experiences have confirmed their value within the new concept of luxury and it would not be an exaggeration to say that in 2017 they literally rose to a new level. At the end of last year, as was widely reported in the press, singer Pharrel Williams in partnership with the multinational brandy Louis XIII recorded a song that will be released only in a century. With the appropriate title of 100 years, the song is part of a campaign that aims to alert the world population about the effects of the destruction of the environment. As the singer himself said “the music will only be released if we take care of the planet”.

Just as it is important to emphasize the sustainable aspect of the campaign, whose objective is to debate the future of the planet, the potential of the initiative as a marketing action is undeniable, since the subject has been the subject of reports and publications around the world.

However, beyond these two central aspects, the partnership of Pharrel Williams with the Louis XIII brand definitely consolidates the idea of ​​experience as a fundamental element of luxury goods. Combining the modernity of a pop idol with a classic drink and against the background of the future of the planet, the action has raised the idea of ​​giving customers not only a quality product but a unique and valued experience.

Leave a Reply

Your email address will not be published.