Livro traça a linha do tempo da alta gastronomia brasileira

Escrito pelo jornalista Roberto Pinto o livro Gastronomia Brasileira – Na Linha do Tempo traz um panorama dos últimos 40 anos da cozinha brasileira profissional e conta a biografia dos  chefs Alex Atala, Edinho Engel e Mara Salles.

A obra relata os bastidores do primeiro evento promovido pelo Caderno Paladar, do jornal O Estado de S. Paulo, em 2006, reunindo os chefs já citados que sempre associaram sua técnica internacional à valorização dos ingredientes brasileiros. A esse caldeirão, os três acrescentaram a tradição culinária nacional e muita pesquisa.

Alex Atala, considerado um dos principais chefs do mundo, é um dos profissionais retratados no livro escrito pelo jornalista Roberto Pinto.

Alex Atala, considerado um dos principais chefs do mundo, é um dos profissionais retratados no livro escrito pelo jornalista Roberto Pinto.

A narrativa começa com uma visita aos restaurantes dos três chefs reunidos no primeiro laboratório de Gastronomia Brasileira montado pelo caderno Paladar, em setembro de 2006, na então recém-inaugurada Faculdade de Gastronomia da Universidade Anhembi-Morumbi, em São Paulo. As casas refletem a trajetória desses chefs que construíram os alicerces de um fenômeno cultural que se espalha pelo país, em diferentes modalidades, intensidade e quadrantes: dos cozinheiros de fim de semana a criadores contemporâneos, como os irmãos Castanho, no Pará, e Manu Bufara, no Paraná.

No capítulo Camaradas, o autor entrevista os chefs André Mifano, Carla Pernambuco, Roberta Sudbrack, Janaina e Jefferson Rueda, Ivan Ralston, Rodrigo Oliveira e Helena Rizzo, além dos franceses Claude Troisgros e Emmanoel Bassoleil.

Para o chef Edinho Engel o livro Gastronomia Brasileira – Na Linha do Tempo propõe uma reflexão instigante e inspiradora sobre a gastronomia brasileira atual.

Para o chef Edinho Engel o livro Gastronomia Brasileira – Na Linha do Tempo propõe uma reflexão instigante e inspiradora sobre a gastronomia brasileira atual.

“Foi a primeira vez que vi opiniões dessa turma toda reunida num único espaço”, comenta o chef Edinho Engel, um dos personagens centrais da narrativa. Para Edinho, a publicação propõe uma reflexão instigante e inspiradora sobre a gastronomia brasileira atual.

A terceira parte do livro apresenta o perfil de fornecedores de ingredientes naturais, raros ou especiais que abastecem os restaurantes de gastronomia em diferentes regiões do país, e que lutam contra as dificuldades de uma legislação ultrapassada e pouco flexível.

Crédito das imagens: Reprodução.

Leave a Reply

Your email address will not be published.