Informação, conhecimento e luxo

1

A história do luxo começou a se escrita junto com a história da própria humanidade. Pois, não é difícil imaginar que ao mesmo tempo em que eram criadas ferramentas utilizadas para atender as primeiras necessidades humanas, também eram desenvolvidos utensílios e objetos que tinham na transcendência a sua natureza de existência.

Com o passar dos séculos, o luxo foi se alterando gradativamente e se adaptando aos novos tempos. Do trabalho artesanal fruto de centenas de horas para a produção de uma simples peça, passou-se a adotar a escala industrial de trabalho e a fabricação em série de produtos e bens de alto padrão.

O próprio conceito evoluiu. Se no passado a acumulação e a ostentação eram características que definiam o tema, atualmente o luxo se concentra muito mais na experiência proporcionada e nas vivências pessoais e coletivas.

No panorama atual, um dos melhores tradutores desse fenômeno emocional que envolve elementos como desejo, sonho, consumo, individualidade e compartilhamento é o escritor Gilles Lipovetsky, conhecido como uma espécie de filósofo do hiperconsumismo. Durante a divulgação de uma palestra realizada no Brasil, Lipovesky destacou que, atualmente, o consumo tornou-se uma “experiência emocional. E não acho isso necessariamente ruim. O problema é que o consumo e o mercado se tornaram objetivos em si. E não existe felicidade dentro de um paradigma egoísta, individualista e fora das relações humanas”.

E é com o objetivo de romper o paradigma da individualidade e contribuir para o compartilhamento das experiências de luxo que no próximo dia oito de dezembro será lançado meu primeiro livro sobre o mercado de alto padrão.

Com o título “Entre taças de champagne e cálices de vinho”, o livro nasceu com a ideia de fomentar o debate sobre o mercado de luxo e servir como uma leitura indicada tanto para profissionais do setor quanto para quem almeja mais informações e tem curiosidade sobre a forma com a qual o luxo se manifesta na sociedade contemporânea.

Através de muita pesquisa e, também, muita interpretação, o livro apresenta informações atuais sobre o mercado e a forma de atuação de algumas das mais exclusivas marcas do universo do luxo.

Afinal de contas, se a democratização da informação é uma das características marcantes do setor de alto padrão em todo o mundo, “Entre taças de champagne e cálices de vinho” busca proporcionar a todos os leitores conhecimento envolvido em doses significativas de luxo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.