Beleza natural

Após a conclusão da aquisição da marca britânica The Body Shop por um valor na ordem de um bilhão de euros, no ano passado a Natura acelerou sua expansão através da abertura de lojas físicas no Brasil e no exterior. Apostando no conceito de uma beleza natural e valorizando os recursos humanos e ambientais, a marca vem se destacando e se consolidando como uma das principais empresas da área de cosméticos no Brasil.

O conceito desenvolvido pela Natura é uma das tendências do segmento de cosmético para os próximos anos. De acordo com Gislene Attilio Meyer, Gerente de Marketing para Home & Personal Care da Dow para a América Latina, além da valorização da saúde e do bem estar, a elevação da expectativa de vida e o aumento da conectividade devem impactar fortemente o mercado daqui para frente.

Conforme apontam pesquisas desenvolvidas na área das ciências sociais, até a metade deste século aproximadamente dois bilhões de pessoas terão idade superior a 65 anos. Além disso, a democratização digital é cada vez mais frequente, ampliando o acesso aos mais diversos públicos. Tendo em mente essas profundas mudanças de ordem social e desenvolvendo produtos sustentáveis que valorizando a individualidade e a customização das necessidades, as marcas de cosméticos devem atender em cheio as demandas de consumidores cada vez mais exigentes.

A valorização da saúde, a elevação da expectativa de vida e o aumento da conectividade são fatores que devem impactar o mercado de cosméticos nos próximos anos

Ainda vale destacar que o interesse do público masculino com os cuidados corporais e estéticos também só tende de se ampliar nos próximos anos e algumas das principais marcas de luxo do mundo já perceberam esse panorama e desenvolvem há tempos produtos destinado aos homens.

Se em algum momento os resultados comerciais do ano passado deixaram a desejar, não há dúvidas que em 2018 o panorama do setor de cosméticos tende a ser muito mais bonito. E natural também.

Leave a Reply

Your email address will not be published.


Natural beauty

After completing the acquisition of the British brand The Body Shop for a value of one billion euros, last year Natura accelerated its expansion through the opening of physical stores in Brazil and abroad. Betting on the concept of a natural beauty and valuing the human and environmental resources, the brand has been highlighting and consolidating itself as one of the main companies in the area of ​​cosmetics in Brazil.

The concept developed by Natura is one of the trends of the cosmetic segment for the next years. According to Gislene Attilio Meyer, Marketing Manager for Dow’s Home & Personal Care in Latin America, in addition to valuing health and well-being, raising life expectancy and increasing connectivity should strongly impact the market from here front.

According to research carried out in the social sciences, by the middle of this century approximately two billion people will be over 65 years old. In addition, digital democratization is becoming more frequent, increasing the access to the most diverse publics. Keeping in mind these profound social changes and developing sustainable products that value individuality and customization needs, cosmetic brands must meet the demands of increasingly demanding consumers.

A valorização da saúde, a elevação da expectativa de vida e o aumento da conectividade são fatores que devem impactar o mercado de cosméticos nos próximos anos

It is also worth mentioning that the interest of the male public with the corporal and aesthetic care also only tends to increase in the next years and some of the main luxury brands of the world have already perceived this panorama and have long developed products destined for men.

If at any time the commercial results of the past year have left something to be desired, there is no doubt that in 2018 the cosmetics industry trend tends to be much more beautiful. It’s natural, too.

Leave a Reply

Your email address will not be published.