A beleza ainda mais natural

close up of body care cosmetic products on wood

O segmento de cosméticos é amplamente significativo dentro da indústria do luxo. Basta analisar o grande número de marcas e produtos disponível para potencializar a beleza feminina e masculina para perceber a importância do setor para a economia mundial.

O Brasil é um dos principais países quando o assunto é o consumo de produtos de beleza e ao que parece até mesmo o setor político do país está interessado no futuro deste mercado. De acordo com a agência de notícias do senado brasileiro, foi aprovado um projeto cujo objetivo é criar uma nova regulamentação para os cosméticos orgânicos. De autoria da senadora Marta Suplicy, o projeto de lei teve a aprovação deferida no início de agosto pela Comissão de Transparência, Governança, Controle e Defesa do Consumidor.

De acordo com a própria senadora, um dos principais motivos da aprovação do projeto foi a inexistência de uma legislação específica sobre o setor. “A falta de regulamentação dos cosméticos orgânicos afeta negativamente a relação de confiança necessária entre produtor e consumidor e o controle de qualidade dos produtos, além de prejudicar a presença de empresas domésticas no mercado nacional e internacional”, destacou Marta Suplicy.

Algumas das mais importantes marcas de luxo que atuam no setor de cosméticos já incorporaram em sua cadeira produtiva questões como a sustentabilidade e os produtos de origem orgânica. Agora, chegou a vez das empresas brasileiras entrarem definitivamente neste mercado em que a beleza é ainda mais natural.

Crédito da imagem: Reprodução.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.