Aquisições movimentam o mercado de luxo

Aquisições e fusões entre empresas se tornaram nos últimos anos acontecimentos que podem ser considerados comuns. Afinal de contas, para se manter ou crescer no mercado, nada melhor do que unir forças com empresas que já se consolidaram e se tornaram referências de sucesso ou prestígio.

Dentro do segmento de moda e do luxo, a Ermenegildo Zegna é uma das marcas que mais aposta nestas estratégias para ampliar seu portfolio. A empresa que foi criada no início do novo século vem ganhando fama por abordar de forma inovadora a alfaiataria masculina e, também, pelo crescimento permanente.

Recentemente, o Grupo Zegna comprou 85% da marca norte-americana Thom Browne pelo valor que, segundo os especialistas no assunto, supera dois bilhões de reais. Ao longo dos últimos anos, a estratégia do grupo vem se desenvolvendo em segmentos que vão da chapelaria à tecelagem.

De acordo com Gildo Zegna, CEO do grupo italiano “além dos benefícios imediatos relacionados a tecidos e apoio de manufatura, podemos alavancar o alcance global da Thom Browne. Mais importante, dividimos a mesma paixão por excelência e uma impecável alfaiataria moderna”.

Com a ideia de ampliar o alcance da marca recém-adquirida, o Grupo Zegna também pretendem ampliar ainda mais suas fronteiras de alcance que já conta com a atuação em mais de 40 países e 300 pontos de vendas espelhados ao redor do mundo.

Crédito da imagem: Reprodução.

Leave a Reply

Your email address will not be published.