Aquisição vitoriosa

01

Em abril deste ano, uma notícia movimentou o segmento de luxo: a informação de que a marca Jimmy Choo estava à venda provocou grande agitação entre aqueles que atuam no setor. Não muito tempo depois do anúncio da venda, foi formalizada a aquisição da marca pela Michael Kors, uma das gigantes do mercado de alto padrão que tem como sede os Estado Unidos.

Menos de um ano depois de entrar para o grupo Michael Kors Holdings Ltd, a marca criada pelo renomado design de sapatos de origem oriental comprova que foi uma aquisição absolutamente vitoriosa para a empresa americana.

De acordo com informações de faturamento recentemente divulgadas pela Michael Kors, a estimativa de receitas para o ano que se encerra em abril de 2018 é de aproximadamente 4,6 bilhões de dólares, sendo que valores entre 215 e 225 milhões serão provenientes unicamente das vendas da Jimmy Choo.

O momento é realmente positivo para o grupo americano, já que na última segunda-feira, seis de novembro, as ações da Michael Kors subiram pouco mais de um por cento, totalizando 48,18 dólares.

De acordo com informações divulgadas à época do negócio, o valor da aquisição foi de 1,2 bilhão de dólares. O investimento da marca americana, desde já, mostra que é um dos mais rentáveis no segmento de luxo dos últimos tempos.

Crédito da imagem: Reprodução Jimmy Choo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.